sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

IPCC: mais erros com glaciares

http://seattletimes.nwsource.com/html/businesstechnology/2010845740_apsciunclimatechange.html

http://www.sciencemag.org/cgi/eletters/326/5955/924

Estes erros foram expostos pelo Prof Graham Cogley, Prof. de geografia e glaciologia na Univ. de Peterborough, no Canada, numa carta à revista de divulgação científica Science.

      1. Os glaciares dos Himalaias estão a derreter muito mais depressa que os outros. Cogley e Michael Zempf, do Sistema Mundial de Monitorização de Glaciares, dizem que estão a fazê-lo à mesma velocidade que os outros.

      2. Os glaciares dos Himalaias vão estar derretidos em 2035. Esta já conhecemos.

      3. A área total vai reduzir-se dos actuais 500.000 km2 para 100.000 em 2035. Acontece também que a área actual é de 33.000 km2.

      4. Todo o o parágrafo é atribuído ao WWF, mas o WWF tende a apenas citar revistas de divulgação, e não artigos revistos por pares (peer-reviewed). No entanto, apenas uma frase tem origem no WWF. E, acrescentemos, o IPCC gaba-se de apenas publicar dados de revistas com revisão por pares. O que voltou a não fazer aqui.

      5. Uma tabela diz que entre 1845 e 1965 o glaciar Pindari recedeu 2480 m, e conclui que o fez a taxa de 135,2 m/ano, quando na realidade é de apenas 23,5 m/ano.

Sem comentários: